POESIAS

VOLTAR

Perfídia

Calar é e sempre será para mim
reflexão; compreendo a ação.
Desde do ontem bem distante,
quando ainda não escolhia a altura
da minha saia, e o batom era sonho
vindouro...
- Tempos bons!
Foram às dúvidas que até hoje
são constantes, como descobrir
o porquê da noite trazer acontecimentos
bipolares.
Ainda quero entender...
O medo que traz a morfina, para concluir
a sua particularidade mais concreta,
de lembrar que no coração há mais
que amor guardado.
- Bem poderia não ser assim.

Lina Ramos.

Lina Ramos Autor Lina Ramos MEU PERFIL
ENVIE POR E-MAIL
DENUNCIE