POESIAS

VOLTAR

Violência Obstétrica

A dor só aumenta
Não posso gritar
Dizem que tenho que ser forte
Que vou suportar

Dizem que se na hora de fazer
Não reclamei
Então não é no parto
Que gritarei

As horas vão passando
E nada de anestesia
Quero que termine logo
Que finde essa agonia

Meu corpo já não é mais meu
Aos profissionais pertence
Isso faz de mim
Uma mulher dependente

De uma assistência
Constrangedora
Que olha pra mim
Como uma máquina reprodutora

Além disso tem o preconceito
Contra mulheres negras
Uma falta de respeito
Que ainda dizem ser um exagero!

Nessa aflição
Não nos damos conta
Violência Obstétrica deveria ser crime
E não como descaso, não levado em conta!

Suellen V Lourenço Autor Suellen V Lourenço MEU PERFIL
ENVIE POR E-MAIL
DENUNCIE