POESIAS

VOLTAR

O DESEJO DE SE EXPRESSAR

O DESEJO DE SE EXPRESSAR

TENHO QUE GRITAR
DE UM JEITO OU DE OUTRO
TENHO QUE FALAR...
MAS ONDE?
AS LINHAS SUMIRAM
AS PAGINAS DESAPARECERAM
A TINTA DA CANETA SECOU
E O QUE ME RESTOU...
É COMO SE UM TAMPÃO
COLASSE MINHA BOCA
E QUASE NÃO CONSIGO RESPIRAR
QUE DIRÁ GRITAR!
HÁ TANTO O QUE DIZER
MAS SÓ AS LAGRIMAS CAEM
JÁ DISSE O POETA
QUANDO A BOCA CALA
OS OLHOS GRITAM
AO MEUS GRITAM A MUITO TEMPO!

ANTONIO OLIVEIRA

 Antonio Oliveira Autor Antonio Oliveira MEU PERFIL
ENVIE POR E-MAIL
DENUNCIE