POESIAS

VOLTAR

Pormenor

Quando me querem pior
minúsculo, estreito,
tacanho

apenas um pormenor
do majestoso rebanho

eu lhes respondo
no entanto:
“sou feito do que me escondo”

o brio que ostento no peito
é lá que está meu tamanho

Pedro L R Pereira Autor Pedro L R Pereira MEU PERFIL
ENVIE POR E-MAIL
DENUNCIE