POESIAS

VOLTAR

Mestre

A arte de construir
Muitas horas tira o sono,
É oficio pra valer.
Requer planos, consome tempo
Horas da prazer.

Conheço um certo homem
E tive o prazer de
Com ele trabalhar.
Já conhecir muitos mestres
Mais igual a ele não há.

Meu mestre Francisco !
Saudades tenho de
Meu mestre amigo.
Da arte que me ensinou,
Ainda guardo comigo.

Com uma planta na mão
E seu jeito de trabalhar,
Pode ter certeza
Imponentes prédios e casas!
Suas mãos vai levantar.

Aprendir com ele
A massa e concreto,
No ponto deixar.
Esticar a linha
E paredes no prumo deixar.

Se um dia, eu de
Profissão mudar,
Jamais vou esquecer.
Da arte que mestre Chico
Um dia., me ensinou a fazer.

Dedico: ao mestre Francisco.

Adão Sousa Silva Autor Adão Sousa Silva MEU PERFIL
ENVIE POR E-MAIL
DENUNCIE