POESIAS

VOLTAR

Abdico

De hoje em diante, abdico de te amar...
Os abraços frondosos,
Os beijos carinhosos,
O teu eu sentimental...

De hoje em diante, digo não,
Aos teus encantos,
Reconheço em meio a prantos,
O quanto vai doer...

De hoje em diante, penso,
E renego o nosso sexo,
As memórias eu espero...
Fiquem num lugar, sem reacender.

De hoje em diante, escrevo menos,
Partilho menos minhas lembranças.
Guardo em mim toda dor,
Desfaleço a calma, ou o que for.

De hoje em diante, eu escrevo mais,
Sobre o vento que não some,
Esqueço os teus codinomes,
E assim vivo mais,

De hoje diante,
Eu penso mais em mim,
Saberás se assim,
Eu me trate com o devido valor,

E a você doce flor
uns versos cheios de amor,
E de três palavras,
‘Chegou ao fim’.

Felippe F Aguiar Autor Felippe F Aguiar MEU PERFIL
ENVIE POR E-MAIL
DENUNCIE